Revista Eletrônica Científica Ensino Interdisciplinar, Vol. 3, No 7 (2017)

Tamanho da fonte:  Menor  Médio  Maior

A ESCOLA PRIMÁRIA NO CONTEXTO DA PRIMEIRA REPÚBLICA: apontamentos teóricos

Antônia Milene da Silva, Maria Antônia Teixeira da Costa

Resumo


Esta comunicação tem como principal objetivo analisar o papel da escola no período da Primeira República (1889 a 1930) a partir de uma revisão teórica, a fim de desenvolver uma reflexão acerca da consolidação desse tipo de instituição escolar no Brasil. O presente trabalho intenciona investigar o cotidiano da escola por intermédio de narrativas de ex-alunas do Grupo Escolar 30 de Setembro em Mossoró nos anos de 1960. Para este estudo de caráter qualitativo, estamos baseados na revisão teórica como aporte metodológico e trazemos para conduzir tais discussões, autores como Luciano Mendes Faria Filho (1997, 2006), Dermeval Saviani (2007) e Jorge Nagle (1976). Por meio das leituras que fundamentam o atual trabalho, percebemos que a escola, enquanto instituição educativa pública, gratuita, laica e moderna que tentou superar as Escolas de Primeiras Letras, teve o seu passo inicial impulsionado pelos vitoriosos do movimento de 1889, passando a escola a partir de então, a ser vista como o espaço mais adequado para educar e civilizar a população a fim de atender aos anseios da sociedade que estava nascendo.

Texto Completo: PDF

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0.