REFLEXÕES SOBRE O USO DA FAUNA SILVESTRE COMO RECURSO MEDICINAL PELOS POVOS INDÍGENAS NO SEMIÁRIDO NORDESTINO

Carlos Alberto Batista Santos

Resumo


A utilização da fauna silvestre é uma prática cultural exercida por diversas sociedadeshumanas, nas quais, a captura de animais se dá prioritariamente para alimentação, noentanto, muitos desenvolvem relações de afetividade com algumas espécies mantendoasem cativeiro no interior de seus lares, além disso, os produtos resultantes do abatede animais são utilizados como recursos terapêuticos na medicina tradicional, comoelementos mágicos religiosos e na produção do artesanato local. No Brasil diversosestudos já registraram o uso de animais como uma fonte de medicamento desde a épocacolonial. Especificamente no Nordeste do Brasil, a zooterapia é uma prática comumentre os povos indígenas e juntamente com as plantas medicinais, possuem um papelfundamental no tratamento e cura das doenças. Este manuscrito discute a importânciados sistemas médicos tradicionais com ênfase na zooterapia e suas implicações naconservação das espécies animais.

Palavras-chave


Zooterapia; Povos tradicionais; Cultura; Conservação da biodiversidade local.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.2192/recei.v3i8.2304

  

 

Directory of Open Access Journals

 

SEER

 

Portal de Periódicos


JournalTOCs

 

Google Scholar

 

Diadorim

 

Latindex

 

Início

http://s01.flagcounter.com/more/0G4O/