AVALIAÇÃO ATUARIAL: ESTUDO DOS REGIMES PRÓPRIOS DE PREVIDÊNCIA NOS MUNICÍPIOS DA REGIÃO METROPOLITANA DE MACEIÓ-AL

Ackla Thays dos Santos Nascimento, Fábio Lopes dos Santos, Jardson Edson Guedes da Silva Almeida, Luiz Antonio Felix Júnior

Resumo


A pesquisa objetivou identificar se há viabilidade atuarial nos Regimes Próprios de Previdência Social da Região Metropolitana de Maceió. Foi construído um checklist a partir de dados disponíveis nos Demonstrativos de Resultados da Avaliação Atuarial – DRAA. Foram analisados quatro municípios haja vista serem os únicos a enviar as informações correspondentes aos cinco anos abrangidos por esta pesquisa (2010 a 2014), os dados foram pesquisados por meio do Site do MPS. Quanto aos resultados foi possível identificar que dentre aqueles analisados o que apresenta melhor viabilidade é o município de Maceió, que consegue ter superávit até 2057, enquanto Atalaia e Marechal Deodoro tiveram viabilidade até 2014 e Santa Luzia do Norte até 2016. É visível a fragilidade dos RPPS nos municípios pesquisados, comprovando uma má administração dos recursos neles disponíveis, comprometendo os beneficiários do plano num futuro próximo.

Palavras-chave


Avaliação Atuarial, Municípios, RPPS.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.31864/rcc.v6i1.3046